A GENTE SEMPRE

O que é?
30 músicas pra celebrar a nossa resistência e existência

O que toca?
Brasil

Cheia de manias?
Faz um tempo que não posto nada por aqui. E nas últimas semanas praticamente nem ouvi música, só notícias por causa dessa última eleição.

Baixada a poeira (?), é hora de continuar. Não votei no presidente eleito. Não votaria, não concordo com nada do que ele prega, e esse período em que já sabíamos do risco dele ser eleito foi de medo e de ansiedade pra muita gente que eu conheço.

Separando o joio do trigo, não classifico a maioria das pessoas que votaram nele como fascistas – até porque é muita gente! -, por mais que o discurso dele até uma semana antes do segundo turno ainda apresentasse uma truculência que não combina com democracia.

Enfim… Apesar de não esperar que os próximos anos sejam promissores, não torço contra. Espero que a democracia sobreviva e, principalmente, que a gente sobreviva e fique bem. Que sejam quatro anos, que a violência que o discurso dele incitou e que fez vítimas já na campanha disperse quando essa poeira baixar e que seja um período de aprendizado pra todos.

No mais, estou de volta com uma sequência de algumas músicas brasileiras que me arrepiaram nessas últimas semanas. E outras que acredito que combinam muito com o momento atual.

Tem reprises de Elza Soares e Gal Costa.

E o que tem?
Marina Lima (part. Marcelo Jeneci) – Novas Famílias (2018)
Elza Soares – O Que se Cala (2018)
Secos & Molhados – Sangue Latino (1973)
Engenheiros do Hawaii – Toda Forma de Poder (1987)
Francisco el Hombre – Calor da Rua (2016)
Gal Costa – Divino, Maravilhoso (1968)
Maria Gadú – Axé a Capella (2011)
Criolo – Menino Mimado (2017)
Ivan Lins (part. Roberto Ribeiro) – Desesperar, Jamais (1979)
Gonzaguinha – E Vamos à Luta (1980)
Chico Buarque – Jorge Maravilha (1973)
Maria Bethânia – Reconvexo (ao vivo) (2010)
Caetano Veloso – Gente (1977)
Legião Urbana – Quando o Sol Bater na Janela do Teu Quarto (1989)
Arnaldo Antunes – Dizem (Quem Me Dera) (2013)
Elza Soares – O Tempo Não Para (2018)
IZA (part. Marcelo Falcão) – Pesadão (2017)
MC Tha – Valente (2018)
Preta Gil (part. Gal Costa) – Vá Se Benzer (2017)
Daniela Mercury – O Canto da Cidade (1992)
Siba – O Inimigo Dorme (2015)
Novos Baianos – Mistério do Planeta (1972)
Claudya – Com Mais de 30 (1971)
Almir Guineto – Conselho (1986)
Martinho da Vila – Bandeira da Fé (2018)
Grupo Revelação – Tá Escrito (ao vivo) (2009)
Cidade Negra – Querem Meu Sangue (The Harder They Come) (1994)
Charlie Brown Jr. – Pra Não Dizer Que Não Falei das Flores (2005)
Zélia Duncan – Nem Tudo (2009)
Dom Salvador & Abolição – Uma Vida (1971)

Toca aqui:
Ouvir na Deezer   Ouvir no Spotify

Anúncios