Menu Fechar

Pra balançar

Pra Balançar

A lista de hoje é uma viagem no tempo que tava pendente por aqui faz tempo!

Presumi no vídeo que “Som de Valente” fosse o nome de uma equipe, mas sem certeza. Mas fica a pergunta no ar. O que era a/o som de valente? Se souber, deixa nos comentários. 😉

Link para a playlist Domingueira

O que tem?

Jorge Ben Jor – Mas, Que Nada! (1963)
Wilson Simonal – Zazueira (1968)
Marisa Monte – Balança Pema (1994)
Clube do Balanço – Saudade de Jackson do Pandeiro (2001)
Gilberto Gil – Chiclete com Banana (1972)
Grooveria Electroacústica (part. Mart’nália) – Jorge Maravilha (2017)
Franco – Rock Enredo (1976)
Jair Rodrigues – Deixa Isso Pra Lá (1964)
Elza Soares – Saltei de Banda (1972)
Os Incríveis – Vendedor de Bananas (1969)
Jorge Ben Jor – Por Causa de Você, Menina (1963)
Os Originais do Samba – Do Lado Direito da Rua Direita (1972)
Reginaldo Rossi – No Claro ou No Escuro (1963)
Elizeth Cardoso – Eu Bebo Sim (1973)
Cleo Galante – Você Vai Ver Que Eu Tenho Razão (1972)
Toquinho e Vinícius de Moraes – Sei Lá (A Vida Tem Sempre Razão) (1971)
Jorge Ben Jor (part. Trio Mocotó) – O Telefone Tocou Novamente (1970)
Gal Costa (part. Caetano Veloso) – Que Pena (Ele Já Não Gosta Mais de Mim) (1968)
Gilberto Gil – Maracatu Atômico (segunda versão) (1974)
Noriel Vilela – 16 Toneladas (Sixteen Tons) (1971)
Bebeto – Segura Nêga (Cutuca Nega) (1975)
Claudya – Deixa Eu Dizer (1973)
Marcos Valle – Com Mais de 30 (1971)
Elza Soares – Saudade da Bahia (1968)
Os Originais do Samba – Falador Passa Mal (1973)
Elizabeth Viana – Meu Guarda-Chuva (1969)
Marconi Notaro – Desmantelado (1973)
Trio Mocotó – Não Adianta (1975)
Branca di Neve – Nego Dito (1987)
Chocolate da Bahia – Roda de Samba (1977)
Paula Lima – É Isso Aí (2001)
Toquinho e Jorge Ben Jor – Carolina, Carol Bela (1970)
Jorge Ben Jor (part. Caetano Veloso) – Ive Brussel (1979)
Bebeto – A Beleza é Você Menina (1979)
Gal Costa – Quando Você Olha Pra Ela (2016)
Erasmo Carlos – De Noite na Cama (1971)
Los Sebosos Postizos – Minha Teimosia, Uma Arma Pra Te Conquistar (2012)
Sandália de Prata – Reza Forte (2010)
Clube do Balanço (part. Simoninha) – Paz e Arroz (2001)
Jorge Ben Jor – Berenice (1978)
Trio Mocotó – Samba da Preguiça (1973)
Wilson Simonal – País Tropical / Música Incidental: Sou Flamengo (1969)
Os Originais do Samba – Cadê Tereza (Stereo Mix) (1969)
Aparecida – Tereza Aragão (1977)
Erasmo Carlos – Coqueiro Verde (1970)
Jorge Ben Jor – Take It Easy, My Brother Charles (1969)
Trio Esperança – Bolinha de Sabão (1963)
Ed Lincoln – O Ganso (1966)
Franco – O Rock do Rato (1978)
Os Mutantes – A Minha Menina (1968)
Bebeto – Lua Nova (Pra Balançar) (ao vivo) (2000)

Toca aqui:

Ouvir na Deezer   Ouvir no Spotify   Ver no YouTube

Eurodance out of Paradoxx

Eurodance out of Paradoxx

Um pouco antes do MP3, a indústria fonográfica tinha mais força pra determinar o que a maioria das pessoas ia ouvir, e na década de 90 uma das apostas dessa indústria foi a eurodance (ou a dance music, o poperô, o tunts tunts).

Tem uma lista aqui com 30 sucessos que foram lançados no Brasil pela Paradoxx Music, uma gravadora pequena que quase se especializou no gênero. Mas nem só de Paradoxx Music viveu a dance music no Brasil.

O que tem?

Haddaway – What Is Love? (7″ Mix) (1993)
La Bouche – Sweet Dreams (Radio Version) (1995)
Just Luis – American Pie (1995)
DJ Bobo – Everybody (Radio Mix) (1993)
Double You – Run To Me (1994)
M People – One Night in Heaven (1993)
Londonbeat – Come Back (1994)
Robin S – Love For Love (1993)
Lee Marrow (feat. Charme) – Try Me Out (Radio Edit) (1993)
Masterboy – I Got To Give It Up (Single Edit) (1994)
MC Sar & Real McCoy – Run Away (1994)
Dr. Alban – Let The Beat Go On (Short) (1993)
2 Brothers on the 4th Floor – Dreams (Will Come Alive) (1994)
B.G. The Prince of Rap – The Colour of My Dreams (Dreamedia Mix) (1994)
Netzwerk (feat. Galeotti M.) – Memories (1995)
Outta Control – Sinful Wishes (Radio Mix) (1996)
Undercover – Never Let Her Slip Away (Essential Edit) (1992)
Captain Hollywood Project – More and More (Single Version) (1993)
Culture Beat – Mr. Vain (1993)
Ice MC (feat. Campbell I.C.) – Think About The Way (1994)
Sasha – I Want My Freedom (1995)
Corona – The Rhythm of the Night (1994)
Nevada – Take Me To Heaven (FM Edit) (1994)
Dr. DJ Cerla (feat. Brownstone) – Everybody Pom Pom (1993)
Definition of Joy – Stay With Me 4 Ever (Original Radio Edit) (1994)
Haddaway – Rock My Heart (1993)
La Bouche – Be My Lover (1995)
DJ Bobo – Love is All Around (1994)
Robin S – Show Me Love (1993)
Real McCoy – Another Night (1995)

Toca aqui:

Ouvir na Deezer   Ouvir no Spotify   Ver no YouTube

Juntos na noite

Juntos na noite

A lista de hoje é inspirada no “Alpha e Você Juntos na Noite”, programa das madrugadas da Alpha FM que poderia só tocar as mesmas músicas que tocam durante o dia, mas não.

O que tem?

Peabo Bryson & Roberta Flack – Tonight I Celebrate My Love (1983)
Earth, Wind & Fire – After The Love Has Gone (1979)
Living in a Box – Room in Your Heart (1989)
Marina Lima – Pessoa (1993)
Dr. Hook – Sharing The Night Together (1978)

Stephen Bishop – It Might Be You (1982)
Susanna Hoffs – Unconditional Love (1991)
Jeffrey Osborne – On The Wings of Love (1982)
Linda Lewis – This Time I’ll Be Sweeter (1975)
Billy Joel – Honesty (1978)

Dido – Thank You (1999)
Ivan Lins – Lembra de Mim (1995)
10cc – I’m Not In Love (1975)
Taylor Dayne – Love Will Lead You Back (1989)
Spandau Ballet – True (1983)

Diana Ross – Missing You (1984)
The Manhattans – Shining Star (1980)
Coldplay – Trouble (2000)
Angela Ro Ro – Só Nos Resta Viver (1980)
Michael Learns to Rock – That’s Why (You Go Away) (1995)

Cyndi Lauper – Time After Time (1983)
Gino Vannelli – I Just Wanna Stop (1978)
Barry White – Just The Way You Are (single version) (1978)
Will To Power – Baby, I Love Your Way / Freebird (1988)
The Temptations – Just My Imagination (Running Away With Me) (1971)

The Moody Blues – Talking Out Of Turn (1981)
Marisa Monte (part. Ed Motta) – Ainda Lembro (1991)
Al Jarreau – After All (1984)
Quincy Jones – Just Once (1981)
The Stylistics – Let’s Put It All Together (1974)

Dionne Warwick (feat. Elton John, Gladys Knight, Stevie Wonder) – That’s What Friends Are For (1985)
Sérgio Mendes (feat. Joe Pizzulo e Leza Miller) – Never Gonna Let You Go (1983)
Miami Sound Machine – Words Get In The Way (1985)
Prince – Betcha By Golly, Wow! (1996)
Information Society – Slipping Away / Here Is The Kazmeyer (1990)

Djavan – Se… (1992)
Kool & The Gang – Cherish (1983)
Peaches & Herb – Reunited (1978)
John Denver – Don’t Close Your Eyes, Tonight (1985)
Kenny Rogers (feat. Sheena Easton) – We’ve Got Tonight (1983)

Christopher Cross – Sailing (1979)
Maria Bethânia – Gostoso Demais (1986)
Paul McCartney – No More Lonely Nights (1984)
Whitney Houston – Saving All My Love for You (1985)
Dire Straits – Your Latest Trick (1985)

Os Paralamas do Sucesso – Saber Amar (1995)
Toni Braxton – Breathe Again (1993)
Stanley Clark & George Duke – Sweet Baby (1981)
Madonna – Spanish Eyes (1989)
Air Supply – All Out Of Love (1980)

Rita Coolidge – We’re All Alone (1977)
Elton John – Empty Garden (Hey Hey Johnny) (1982)
Carly Simon – Coming Around Again (1987)
Frejat – Segredos (2001)
Roxette – Milk and Toast and Honey (2001)

Phil Collins – One More Night (1985)
Bryan Adams – Straight From The Heart (1983)
Sheryl Crow – All By Myself (1993)
Take That – How Deep Is Your Love? (1996)
Vanessa da Mata – Nossa Canção (2003)

Toca aqui:

Ouvir na Deezer   Ouvir no Spotify   Ver no YouTube

BRASIL FESTA VERTIGEM

BRASIL FESTA VERTIGEM

A música de qualquer lugar do mundo sempre tende a retratar o tempo em que foi produzida. De 2003 a 2019, o Brasil passou por várias mudanças e a música acompanhou e retratou essas mudanças.

O vídeo e a playlist de hoje falam um pouco disso, e nasceram por uma coisa que apareceu na minha cabeça quando vi o “Democracia em Vertigem”.

Em tempo: eu comentei no vídeo sobre a música pop brasileira que surgiu nos últimos anos ter menos ligação com as raízes da MPB do que teve nos anos 2000, mas é óbvio que a música brasileira – inclusive a música pop – é muito diversa e tem muita coisa com todo tipo de referência.

O que tem?

Eddie – Pode Me Chamar (2003)
Los Hermanos – Samba a Dois (2003)
Vanessa da Mata – Ai, Ai, Ai (2004)
Roberta Sá – Pelas Tabelas (2005)
Cachorro Grande – Desentoa (2005)
Cansei de Ser Sexy – Superafim (2005)
Marisa Monte (part. David Byrne) – Statue Of Liberty (2006)
Marcelo D2 (part. Claudya) – Desabafo / Deixa Eu Dizer (2008)
Zeca Baleiro – Alma Não Tem Cor (2008)
Karina Buhr – Eu Menti Pra Você (2010)
Gal Costa (part. Caetano Veloso) – Miami Maculelê (2011)
Criolo – Bogotá (2011)
Trupe Chá de Boldo (part. Gustavo Ruiz) – Na Garrafa (2012)
Curumin – Passarinho (2012)
Anelis Assumpção – Eu Gosto Assim (2014)

Zélia Duncan (part. Xande de Pilares) – No Meu País (2015)
Francisco, El Hombre – Calor da Rua (2016)
BaianaSystem – Lucro: Descomprimindo (2016)
Teto Preto – Gasolina (2016)
Rincon Sapiência – Ponta de Lança (Verso Livre) (2016)
Xênia França – Pra Que Me Chamas? (2017)
Luedji Luna – Banho de Folhas (2017)
Ava Rocha (part. Alessandra Leão, Ariane Molina, Victoria dos Santos, Linn da Quebrada, Karina Buhr) – Joana Dark (2018)
Ctrl + N – Eu Prefiro (2018)
Elza Soares – O Que Se Cala (2018)
Caetano Veloso, Tom Veloso – Tá Escrito (ao vivo) (2018)
G.R.E.S.E.P. Estação Primeira de Mangueira (Marquinho Art’Samba) – História Pra Ninar Gente Grande (2019)
Gabi da Pele Preta, Dani Vieira, Amanda Magalhães, Silvia Duffrayer – Conectadas Pela Música: Pra Espantar a Dor (2019)
Caio Prado (part. Ank) – É Carnaval Chegar (2019)
MC Tha – Rito de Passá (2019)

Toca aqui:

Ouvir na Deezer   Ouvir no Spotify   Ver no YouTube

capaz que amanheça

capaz que amanheça

Depois de mais de um mês longe, o vídeo de hoje fala do motivo desse afastamento (a cirurgia de desvio do septo) e fala como a música – no caso, a playlist “capaz que amanheça” – me ajudou nos momentos mais chatos do pós-operatório. Tem até umas divagações meio nada a ver no final, mas que me ajudaram a não me arrepender de ter operado. 😆

Em tempo: a presença das pessoas que eu amo foi tão importante – sempre é – quanto as músicas e as coisas que eu pensei.

Em tempo (2): nada contra a Enya, de verdade. Até gosto de outras músicas, além de “Only Time”. Gosto de “Caribbean Blue” e até de “Orinoco Flow”. Aliás, deu vontade de fazer uma lista “new age farofa” – talvez o nome seja esse.

O que tem?

Maria Creuza – Estrada do Sol (1971)
Marisa Monte – Universo ao Meu Redor (2006)
Trupe Chá de Boldo – Até Chegar no Mar (2012)
Carioca Chandra Edgar – Israel Song (2007)
Circle Music – Canta com Amor (2011)
Shimshai – Promesa (2006)
Devendra Banhart – Santa Maria de Feira (2005)
Paulo Coração – Eu Agradeço (2013)

Toca aqui:

Ouvir no Spotify

Posts mais recentes
Posts antigos