capaz que amanheça

Depois de mais de um mês longe, o vídeo de hoje fala do motivo desse afastamento (a cirurgia de desvio do septo) e fala como a música – no caso, a playlist “capaz que amanheça” – me ajudou nos momentos mais chatos do pós-operatório. Tem até umas divagações meio nada a ver no final, mas que me ajudaram a não me arrepender de ter operado. 😆

Em tempo: a presença das pessoas que eu amo foi tão importante – sempre é – quanto as músicas e as coisas que eu pensei.

Em tempo (2): nada contra a Enya, de verdade. Até gosto de outras músicas, além de “Only Time”. Gosto de “Caribbean Blue” e até de “Orinoco Flow”. Aliás, deu vontade de fazer uma lista “new age farofa” – talvez o nome seja esse.

O que tem?

Maria Creuza – Estrada do Sol (1971)
Marisa Monte – Universo ao Meu Redor (2006)
Trupe Chá de Boldo – Até Chegar no Mar (2012)
Carioca Chandra Edgar – Israel Song (2007)
Circle Music – Canta com Amor (2011)
Shimshai – Promesa (2006)
Devendra Banhart – Santa Maria de Feira (2005)
Paulo Coração – Eu Agradeço (2013)

Toca aqui:

Ouvir no Spotify

Anúncios